Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Manuel Alegre: Portugal, uma dor que nos mata

por José Pereira (zedebaiao.com), em 14.04.14

Há quem fica afetado com um simples jogo de futebol.

Outros sofrem angústias e apertos do coração devido ao estado a que chegou o nosso País.

Esse aperto no peito não sei se me mata, mas o certo é que também me ataca.

 

Manuel Alegre internado dor no coração cardiaco

 

 

Manuel Alegre foi internado no Hospital de Santa Maria 

Por Jornal i
publicado em 14 Abr 2014 - 12:47

 

Esta situação obrigou ao cancelamento de um evento na Covilhã, que estava agendado para esta terça-feira, com a sua presença

Manuel Alegre foi internado, no domingo, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa. O ex-deputado queixou-se de indisposição e foi hospitalizado apenas para realizar alguns exames, como forma de precaução, afirma fonte próxima do histórico socialista.

Esta situação obrigou ao cancelamento de um evento na Covilhã, que estava agendado para esta terça-feira, com a sua presença.

A Câmara da Covilhã, que organiza a iniciativa, enviou um comunicado, dizendo que Alegre terá sido internado por problemas cardíacos.

Já não é a primeira vez que o político tem de adiar parte do programa de pré-campanha às Presidenciais. Em 2011, aconteceu o mesmo, em relação à sua agenda em Aveiro.

Manuel Alegre deverá ter alta ainda esta segunda-feira, afirma a mesma fonte.

 

 

http://www.ionline.pt/artigos/portugal/manuel-alegre-internado-hospital-santa-maria 

Autoria e outros dados (tags, etc)

IDEIAS PARA BAIÃO: Pála C

por José Pereira (zedebaiao.com), em 14.04.14

A pensar nos produtores da excelente laranja da Pála (Baião) e na diversidade de produtos naturais que se podem colocar no mercado.

 

Porque é que não se criam espaços e apoios direcionados para a inovação? Faltará visão?

 

Os empreendedores sabem que os "grandes visionários são o mais importante e que os grandes administradores são fundamentais." (Tom Peters).

 

Se os clientes mudam, então está na hora de repensá-los. Vá compreendendo os tempos, vá mudando e vá evoluindo.

 

 

laranja da Pála Baião

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

FINANCIAMENTO DOS PARTIDOS: Que custos tem a Democracia?

por José Pereira (zedebaiao.com), em 14.04.14

A democracia não tem só custos financeiros. Tem sobretudo custos e consequências sociais.

Financiamento dos partidos em Portugal

 

Para quem não conhece a Lei de Financiamento dos Partidos e das Campanhas Eleitorais, aqui a deixo, bem como algumas notas e links para poder saber quanto nos custam os partidos e as campanhas eleitorais.

 

Todos sabemos que a Democracia tem custos, mas o certo é que a Lei facilita o regime instalado e dificulta a concretização de alternativas apresentadas pelos cidadãos.

 

Ou os partidos e políticos partidários encetam esforços para melhorar e se credibilizar, ou os cidadãos têm de ser mais exigentes e alterar o regime, não só de financiamento, mas sobretudo político-administrativo.


(NOTA: o valor do IAS atual é de 419,22€, sendo que basta multiplicar os valores referidos na Lei por este número).

EXEMPLO FINANCIAMENTO PARA OS PARTIDOS: Relativamente à subvenção por cada voto a Lei prevê 1/135 X IAS = 0,0074074074074074 X 419,22 = 3,11€ por cada voto.

 

FINANCIAMENTO PARA AS CAMPANHAS ELEITORAIS:

A subvenção é de valor total equivalente a:

 

a) 20 000 vezes o valor do IAS (20.000 X 419,22€ = 8.384.400,00€) para as eleições para a Assembleia da República;

 

b) 10 000 vezes o valor do IAS (4.192.200,00€) para as eleições para a Presidência da República e para o Parlamento Europeu;

 

c) 4000 vezes o valor do IAS para as eleições para as Assembleias Legislativas Regionais.

 

Os recursos de financiamento público para a realização dos fins próprios dos partidos são:


a) As subvenções para financiamento dos partidos políticos;
b) As subvenções para as campanhas eleitorais;
c) Outras legalmente previstas.

 

As receitas e despesas dos partidos políticos são discriminadas em contas anuais, que obedecem aos critérios definidos no artigo 12.º.

 

LEI DE FINANCIAMENTO DOS PARTIDOS E DAS CAMPANHAS ELEITORAIS: 

http://www.parlamento.pt/Legislacao/Documents/Legislacao_Anotada/FinanciamentoPartidosPoliticosCampanhasEleitorais_Anotado.pdf

 

 

Financiamento Partidário de 2012

 

Perguntas Frequentes: Financiamento / Contas campanha eleitoral

 

Eleições para o Presidente da República de 2011

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Mensagens



Junte-se a nós no Facebook

Please wait..15 Seconds Cancel

Calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930





eXTReMe Tracker