Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Pelas últimas sondagens, constata-se que os socialistas europeus (S&D) têm vindo a perder terreno/lugares. No dia 2 de abril previa-se que os socialistas tivessem o mesmo números de deputados (212 Socialistas "PS" e 212 Populares/Democratas Cristãos "PSD"). Serão as consequências das recentes derrotas socialistas em França? Ainda não sabemos, mas o certo é que tiveram um forte impacto sobre o eleitorado.

 

Estas sondagens demonstram, pela primeira vez, que o PPE ("PSD") passa significativamente para a frente dodos socialistas (S&D), encontramdo-se os Populares/Democratas Cristãos ("PSD") com 222 lugares previstos, contra 209 dos socialistas (S&D), sendo a diferença de 13 eurodeputados. É notório e preocupante o avanço da direita, sobretudo quando associado a um avanço da extrema direita, sendo que esta responsabilidade é dos partidos de esquerda que, em vez de direcionarem o rumo para políticas de esquerda preferem rumar à direita e gerar intrigas entre os próprios. Assim, dificilmente a Europa conseguirá mudar para melhor!

 

Esta alteração, ocorrida sobretudo ao longo das últimas duas semanas é fruto do resultado de um aumento significativo no apoio aos partidos do PPE na Polônia, provavelmente relacionado com a insegurança que a Europa não tem conseguido assegurar, nomeadamente no que respeita à crise na Ucrânia.

 

É certo que a recente derrota dos socialistas em França tiveram consequências. Não se dabe ainda é que frutos virá a ter as recentes mudanças ocorridas no Governo francês, sendo que este direcionou o rumo para a sua ala mais à direita e está a gerar instabilidade entre os prórpios socialistas e ataques entre os próprios partidos de esquerda, situação que poderá acabar por beneficiar a direita e sobretudo a extrema direita.

 

Os socialistas europeus (S&D) têm ainda vindo a perder ligeiramente terreno na Áustria, na Bulgária, na Hungria, na Polônia , na França e na Grécia. Relativamente a Portugal, ainda é cedo para sabermos, sendo que não se sabe o que esperar dos novos partidos que vão a eleições e que poderão vir a retirar lugares ao PS (S&D).

 

No entanto, a diferença entre os dois grandes grupos europarlamentares ainda é relativamente pequena e as campanhas eleitorais ainda nem sequer começaram.

 

Têm sido realizados estudos recentes, ainda não consolidados que indicam que o S&D ("PS") poderá ainda vir a sair vitorioso, sendo que há estudos a indicar a probabilidade de que o S&D ("PS") tem 25% de hipoteses de ficar acima do EPP ("PSD").

 

 

Relativamente aos restantes grupos europarlamentares, o ALDE (Democratas Liberais) permanece à frente do GUE (Esquerda Unitária/Verdes) ​​, mas estima-se que GUE tem uma probabilidade de 24% de ficar acima do ALDE. Será que os partidos mais à esquerda conseguirão retirar votos ao centro-esquerda e ficar à frente da extrema direita? O certo é que a extrema direita avança em diversos países, mas ainda é cedo para podermos retirar conclusões. As verdadeiras conclusões só serão retiradas nomdia das eleições.

 

Nesta última edição, as mais recentes previsões sugerem que Le Pen e Wilders conseguirão ter eurodeputados suficientes para formar um grupo parlamentar, com cerca de 38 deputados de sete Estados membros. Esta previsão baseia-se nos cinco outros partidos nacionais que têm sugerido vir a juntar-se ao FN francês e holandês PVV, bem como o FPÖ austríaco, o belga VB , o LN italiano , o eslovaco SNS , e o sueco SD.

 

 

resultados eleições europeias sondagens

 

 

 

 

 

eleições europeias Portugal sondagens

 

 

 


sondagens eleições europeias 2014 ps psd socialistas

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor


Mensagens



Junte-se a nós no Facebook

Please wait..15 Seconds Cancel

Calendário

Abril 2014

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930





eXTReMe Tracker