Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


COVID-19: uma leitura territorial do contexto demográfico e do impacto socioeconómico - Dados até 06 de maio

Fonte da foto: https://www.ccdr-n.pt/regiao-norte/1677/ine-retrata-impacto-socioeconomico-da-doenca-covid-19-nas-regioes-portuguesas

 

08 de maio de 2020

Resumo

Apesar da progressiva disseminação da pandemia pelo território nacional, o seu impacto continua a ser caracterizado por uma elevada heterogeneidade regional particularmente quando se tem em conta, além dos números absolutos de casos e óbitos, indicadores relativos em função da dimensão e densidade demográfica por km2 das unidades territoriais consideradas na análise. O impacto socioeconómico da pandemia é também territorialmente diferenciado, à luz de indicadores com periodicidade mensal. Tomando como unidade de referência o município, os dados de casos confirmados de COVID-19 disponíveis em 6 de maio (mais 2 semanas que no destaque anterior sobre o mesmo tema) e os indicadores de impacto socioeconómico analisados, verifica-se que:
• Em Portugal, por cada 10 mil habitantes existiam 26,0 casos confirmados de COVID-19. O número de casos confirmados com a doença COVID-19 por 10 mil habitantes foi acima do valor nacional em 51 municípios e deste conjunto, 36 pertenciam à região Norte.
• A leitura da relação entre o número de casos confirmados por 10 mil habitantes e a densidade populacional destaca um conjunto de 34 municípios com valores acima da média nacional em ambos os indicadores.
• A região do Algarve registou o maior aumento de desempregados inscritos nos centros de emprego em março 2020, face ao período homólogo.
• As regiões da Área Metropolitana de Lisboa e do Algarve registaram as maiores reduções do valor de compras nacionais em março 2020, face ao período homólogo.

Destaque

Download do documento PDF (3005 Kb)
Quadros
Excel Excel (177 Kb)
 

Fonte: https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_destaques&DESTAQUESdest_boui=432565834&DESTAQUESmodo=2&xlang=pt

 

Dados março 2020

INE retrata impacto socioeconómico da doença COVID-19 nas regiões portuguesas

Região do Norte

Os dados apurados pelo INE no relatório COVID-19: uma leitura territorial do contexto demográfico e do impacto socioeconómico dão nota que o Norte de Portugal foi a região com maior incidência da doença COVID-19, mas, no que se refere a dados socioeconómicos como o desemprego ou a utilização de caixas multibanco e terminais de pagamento automático, está abaixo ou em linha com os valores médios verificados no país.

O relatório destaca que, em março de 2020, Portugal registou 8,2 novos desempregados inscritos em centros de emprego por mil habitantes (15-64 anos), enquanto que a Região do Norte teve 7,8 novos desempregados. Já em matéria de emprego, no retrato do país houve 0,9 novas colocações apresentadas pelos centros de emprego por mil habitantes (15-64 anos), enquanto na Região do Norte o valor foi de 0,8.

O impacto socioeconómico é igualmente analisado pela utilização de caixas multibanco por habitante. Nas regiões portuguesas, e no período de janeiro de 2019 a março de 2020, houve de um modo geral uma diminuição do valor dos levantamentos. No Norte de Portugal, e no mês em que se declarou o estado de pandemia, o valor foi de 178 Euros por habitante, praticamente idêntico ao da média nacional, que é de 180 Euros. Verifica-se, ainda, uma diminuição contínua do pagamento de compras em terminais automáticos nas sete regiões portuguesas. Este indicador apresentou, em março de 2020, o valor mais baixo de todas as regiões com 219 Euros por habitante. 

Recorde-se que o número de casos confirmados com a doença COVID-19 por 10 mil habitantes foi acima do valor nacional em 51 municípios. Na Região Norte, 36 municípios registaram um valor acima do país, destacando-se o conjunto de municípios da Área Metropolitana do Porto com mais de 40 casos confirmados por 10 mil habitantes: Valongo, Matosinhos, Maia, Gondomar, Porto, Santo Tirso e Vila Nova de Gaia. 

Fonte: https://www.ccdr-n.pt/regiao-norte/1677/ine-retrata-impacto-socioeconomico-da-doenca-covid-19-nas-regioes-portuguesas

ler +

Autoria e outros dados (tags, etc)

Passe "Andante Família" chega ao Porto em 1 de junho, mas carregado de burocracias e de custos

Quando é que a interoperabilidade e simplificação administrativa chega aos Transportes Intermodais d

por José Pereira (zedebaiao.com), em 27.05.20

 

Confirme aqui toda a documentação necessária que poderá variar em função da composição do agregado familiar:
• Cartões Andante prateado em PVC de todo o agregado familiar.
• Documentos de identificação de todo o agregado familiar.
• Requerimento de Adesão.
• Declaração de Representação (caso seja necessário).
• Documento comprovativo da composição do agregado familiar emitido pela Autoridade Tributária.
• Caso o Requerente não tenha confirmado os dados do agregado familiar no site da Autoridade Tributária, é necessário apresentar também a certidão de domicílio fiscal para cada um dos elementos do agregado.

LINKS PARA DOWNLOAD E ACESSO AOS DOCUMENTOS (SEM CUSTOS):
Modelo de Declaração de Representação (caso seja necessário)

• Documento comprovativo da composição do agregado familiar emitido pela Autoridade Tributária  - (pode ter custos) > Veja aqui como obter o comprovativo, sem custos, por via do site das finanças (AT)

• Certidão de domicílio fiscal para cada um dos elementos do agregado - (pode ter custos)  > Veja aqui como obter o comprovativo, sem custos, por via do site das finanças (AT)

• Comprovativo de entrega da Declaração de IRS (Modelo 3) e a certidão de domicílio fiscal para cada um dos elementos do agregado familiar - (pode ter custos)  > Veja aqui como obter o comprovativo, sem custos, por via do site das finanças (AT)

• Certidão comprovativa da dispensa de entrega da Declaração de IRS - (pode ter custos)  > Veja aqui como obter o comprovativo, sem custos, por via do site das finanças (AT)

• Certidão do registo civil ou documento que permita estabelecer a relação de parentesco e/ou habilite a guarda ou tutela sobre os requerentes - (pode ter custos)  > Veja aqui como obter o comprovativo, sem custos, por via do site do Registo Civil (IRN)

REQUERIMENTO_ANDANTE_FAMILIA

1 - O QUE É?
Assinatura mensal atribuída a cada membro do agregado familiar que permite o pagamento total do valor equivalente a 2 assinaturas Andante 3Z / Municipal (60 euros) ou do valor equivalente a 2 assinaturas Andante Metropolitano (80 euros).

2 - QUEM PODE BENEFICIAR?
Agregados familiares (mínimo 3 elementos) com domicílio fiscal num dos 17 Municípios da Área Metropolitana do Porto.
Para usufruir do Andante Família é necessário que todos os membros do agregado familiar (requerente responsável e restantes beneficiários) sejam titulares do cartão Andante prateado em PVC. Não são aceites os cartões em PVC 4_18 e Sub23.

3 - QUEM É CONSIDERADO MEMBRO DO AGREGADO FAMILIAR?
Integram o mesmo agregado familiar o requerente responsável e as seguintes pessoas:
• Cônjuge ou pessoa em união de facto, neste caso, desde que há mais de 2 anos;
• Parentes e afins em linha reta (avó, avô, pai, mãe, sogro, sogra, filhos, netos, …) e em linha colateral (irmãos), do requerente responsável ou da pessoa que com ele se encontre em união de facto há mais de 2 anos;
• Adotados e tutelados pelo requerente responsável ou pela pessoa em união de facto, bem como menores que lhes sejam confiados por decisão judicial ou administrativa de entidades ou serviços legalmente competentes para o efeito.
É condição indispensável que todos os membros do agregado familiar tenham a mesma residência fiscal.

4 - QUE ASSINATURAS ANDANTE FAMÍLIA EXISTEM?
O Andante Família pode ser carregado como Andante 3Z, Municipal ou Metropolitano. Todos os elementos do agregado familiar carregam obrigatoriamente o mesmo tipo de assinatura, ou seja, não pode haver, por exemplo, 2 elementos com Andante 3Z e 2 elementos com Andante Metropolitano.

5 - ONDE POSSO ADERIR?
Nas lojas Andante, bilheteiras CP com venda Andante e pontos de venda Andante dos Municípios.
Os carregamentos mensais podem também ser efetuados nas Máquinas de Venda Automática localizadas nas estações de metro e da CP e nos agentes Payshop.

6 - QUAL A DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA?
• Cartões Andante prateado em PVC de todo o agregado familiar.
• Documentos de identificação de todo o agregado familiar.
• Requerimento de Adesão.
• Declaração de Representação (caso seja necessário).
• Documento comprovativo da composição do agregado familiar emitido pela Autoridade Tributária.
• Caso o Requerente não tenha confirmado os dados do agregado familiar no site da Autoridade Tributária, é necessário apresentar também a certidão de domicílio fiscal para cada um dos elementos do agregado.

7 - QUAL A VALIDADE DO PERFIL ANDANTE FAMÍLIA?
O Perfil Andante Família é atribuído a todo o agregado familiar pelo período de 12 meses após o qual terá de fazer nova prova de beneficiário.
O carregamento da assinatura é efetuado mensalmente.

8 - EXISTEM DESCONTOS SOCIAIS ASSOCIADOS AO ANDANTE FAMÍLIA?
Não. O Andante Família constitui, por si só, um desconto pelo que não existem outros descontos acumuláveis com o Andante Família.
Ex. Um cliente atual de 3ª Idade, perde automaticamente esse perfil e respetivo desconto quando adere ao Andante Família.

Andante Família chega a 1 de junho.
Assinatura Mensal para o Agregado Familiar.
22-05-2020 15:45:36

Autoria e outros dados (tags, etc)

Já abriram as candidaturas ao ADAPTAR, um programa para apoiar as empresas na adaptação aos novos modelos de funcionamento nesta fase de reabertura de grande parte da atividade económica nacional, garantindo o cumprimento das normas estabelecidas pelas autoridades sanitárias. 

O IAPMEI já emitiu mais de 9M€ de pagamentos às empresas no âmbito do Sistema de Incentivos (SI) COVID-19, tendo já sido aprovados 130 projetos, representando cerca de 39M€ de investimento...


Com duas vertentes, uma direcionada a microempresas e outra a PME, o ADAPTAR tem como objetivo ajudar as empresas, comparticipando, por exemplo, a aquisição de material de proteção individual, de serviços de desinfeção dos seus espaços ou de consultoria para a reorganização física dos mesmos, entre outras despesas elegíveis.
 



Banner_1439x120.png


Separadores-Pagina_Blue_SISTEMA-DE-INCENTIVO-ADAPTAR”.png

 

Apoia as Micro e PME's na adaptação dos seus estabelecimentos, métodos de organização do trabalho e de relacionamento com clientes e fornecedores às novas condições de distanciamento físico no contexto da pandemia de COVID-19, garantindo o cumprimento das normas estabelecidas e das recomendações das autoridades competentes, por forma a assegurar o mínimo impacto na saúde pública.

Decreto-Lei n.º 20-G/2020, de 14 de maio, cria as medidas:

 
As candidaturas e pedidos de pagamento para estas medidas serão apresentadas através do Balcão 2020.
Faça o seu registo AQUI.
 
O atendimento relacionado com a gestão de sistemas de incentivos, os contactos com os gestores de projeto no IAPMEI deverão ser efetuados preferencialmente através do sistema de mensagens disponível na App IAPMEI+ (Google Play e App Store) e na Consola Online IAPMEI+ , ou por email.

Mais informação aqui.

CONTACTOS 

 

PT2020-(1).png

Últimas atualizações: 
ADAPTAR Microempresas | Perguntas Frequentes (19/05/2020)
ADAPTAR PME | Perguntas Frequentes (19/05/2020)
Decreto-Lei n.º 20-G/2020, de 14 de maio | Estabelece um sistema de incentivos à segurança nas micro, pequenas e médias empresas, no contexto da doença COVID-19 (SI ADAPTAR) (14/05/2020)
Suspensão de candidaturas ao Aviso n.º 14 SI Inovação COVID-19 ao PO Centro 2020 a partir das 19h de 15/05/2020. Para os restantes Programa Operacionais a data limite mantém-se a 29/05/2020, à excepção do PO Norte 2020 e do COMPETE 2020, já encerrados por esgotamento de dotação. (13/05/2020)
FAQ - Aviso n.º 14/SI/2020 SI Inovação COVID-19 
(08/05/2020)
FAQ - Aviso n.º 15/SI/2020 SI I&D e Upscaling COVID-19 (08/05/2020)
Suspensão de candidaturas ao Aviso n.º 14/SI/2020 SI Inovação COVID-19 ao COMPETE 2020 a partir das 16h de 08/05/202 e ao PO Norte a partir das 19h de 12/05/2020 (06/05/2020)
Nova Norma de Pagamentos a beneficiários de Sistemas de Incentivos às empresas no âmbito do Portugal 2020 (21/04/2020) 
Perguntas Frequentes (20/04/2020)

- Novos Sistemas de Incentivos COVID-19 (20/04/2020)

Solução apresentada pela UWU Go

Do ponto de vista das empresas, este esforço de adaptação apresenta um impacto eminentemente operacional, mas simultaneamente, e não menos relevante, tem um efeito financeiro bem significativo: o custo adicional desta adaptação!

No sentido de apoiar as micro, pequenas e médias empresas, foi recentemente apresentado o programa ADAPTAR. Este incentivo divide-se em duas linhas de apoio, em função da dimensão da sua empresa.

Temos, então:

  • Microempresas
    • Máximo: 5 000€;
    • Mínimo: 500€.
    • Taxa de incentivo: 80%

 

  • Pequenas e médias empresas
    • Máximo: 40 000€;
    • Mínimo: 5 000€.
    • Taxa de incentivo: 50%

 

Note que, para além das suas despesas com desinfetantes, equipamentos individuais de proteção, desinfeção e/ou adaptação dos locais de trabalho, também o custo relativo à submissão da sua candidatura é apoiado!

Mais: o investimento na transformação digital da sua empresa também é elegível! Por exemplo, a sua adesão à solução UWU Go está agora facilitada!

Contacte a UWU para análise do seu caso, e tratamento da candidatura!

 

Notícias IAPMEI

18-05-2020
Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade | Candidaturas até 31 de maio

Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade | Candidaturas até 31 de maio


Estão abertas as candidaturas ao Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade, uma iniciativa dinamizada pela Associação Portuguesa de Ética Empresarial, em...



LINKS E DOCUMENTOS ÚTEIS
Orientação Técnica n.º 01/2020 (2ª revisão) | Estipula as medidas relativas à situação epidemiológica pelo novo coronavírus
Despacho n.º 4777/2020, de 21 de abril | Nova Norma de Pagamentos a beneficiários de Sistemas de Incentivos às Empresas no âmbito do Portugal 2020
Orientação Técnica n.º 01/2020 | Estipula as medidas relativas à situação epidemiológica pelo novo coronavírus
Deliberação n.º 8/2020, de 28 de março | Determina Medidas Extraordinárias de Apoio à Economia e à Manutenção do Emprego no âmbito do Portugal 2020
Sistema de Incentivos à Inovação Produtiva
Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo Qualificado e Criativo

Autoria e outros dados (tags, etc)

As candidaturas já estão abertas. Consulte aqui a informação.

São mais de 300 estágios destinados a estudantes universitários que estejam no último ou penúltimo ano do curso superior. 

De 06/03/2020 a 31/12/2020

PEJENE - PROGRAMA DE ESTÁGIOS DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO SUPERIOR NAS EMPRESAS

O PEJENE é um programa de estágios, promovido pela Fundação da Juventude, para jovens a frequentar o último e penúltimo ano do Ensino Superior em todas as áreas académicas. De âmbito nacional, e desde 1993, este programa é uma resposta às necessidades de aprendizagem dos jovens a frequentar o Ensino Superior que contribui para a melhoria do desempenho de tarefas de caráter profissional e para o aumento de conhecimentos em contexto real de trabalho. Assim, melhorar as competências dos jovens estudantes e capacitá-los para o mundo do trabalho são os objetivos principais deste programa de estágios que a Fundação da Juventude está a lançar com o apoio da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), programa este que vai na sua 28ª edição e que tem a novidade de se estender de Julho a Dezembro.

Vagas de estágios

 

 

Projetos Em Parceria

Formação Profissional

Formação Profissional > VER MAIS

Estágios

Estágios > VER MAIS

Projetos Internacionais

Projetos Internacionais > VER MAIS

Projetos Em Parceria

Projetos Em Parceria > VER MAIS

Voluntariado

Voluntariado > VER MAIS

StartUP Juventude

StartUP Juventude > VER MAIS

Roteiros

Roteiros > VER MAIS

 

Concursos > VER MAIS

Concursos

Autoria e outros dados (tags, etc)

Já abriram as candidaturas ao ADAPTAR, um programa para apoiar as empresas na adaptação aos novos modelos de funcionamento nesta fase de reabertura de grande parte da atividade económica nacional, garantindo o cumprimento das normas estabelecidas pelas autoridades sanitárias. 

O IAPMEI já emitiu mais de 9M€ de pagamentos às empresas no âmbito do Sistema de Incentivos (SI) COVID-19, tendo já sido aprovados 130 projetos, representando cerca de 39M€ de investimento...


Com duas vertentes, uma direcionada a microempresas e outra a PME, o ADAPTAR tem como objetivo ajudar as empresas, comparticipando, por exemplo, a aquisição de material de proteção individual, de serviços de desinfeção dos seus espaços ou de consultoria para a reorganização física dos mesmos, entre outras despesas elegíveis.
 



Banner_1439x120.png


Separadores-Pagina_Blue_SISTEMA-DE-INCENTIVO-ADAPTAR”.png

 

Apoia as Micro e PME's na adaptação dos seus estabelecimentos, métodos de organização do trabalho e de relacionamento com clientes e fornecedores às novas condições de distanciamento físico no contexto da pandemia de COVID-19, garantindo o cumprimento das normas estabelecidas e das recomendações das autoridades competentes, por forma a assegurar o mínimo impacto na saúde pública.

Decreto-Lei n.º 20-G/2020, de 14 de maio, cria as medidas:

 
As candidaturas e pedidos de pagamento para estas medidas serão apresentadas através do Balcão 2020.
Faça o seu registo AQUI.
 
O atendimento relacionado com a gestão de sistemas de incentivos, os contactos com os gestores de projeto no IAPMEI deverão ser efetuados preferencialmente através do sistema de mensagens disponível na App IAPMEI+ (Google Play e App Store) e na Consola Online IAPMEI+ , ou por email.

Mais informação aqui.

CONTACTOS 

 

PT2020-(1).png

Últimas atualizações: 
ADAPTAR Microempresas | Perguntas Frequentes (19/05/2020)
ADAPTAR PME | Perguntas Frequentes (19/05/2020)
Decreto-Lei n.º 20-G/2020, de 14 de maio | Estabelece um sistema de incentivos à segurança nas micro, pequenas e médias empresas, no contexto da doença COVID-19 (SI ADAPTAR) (14/05/2020)
Suspensão de candidaturas ao Aviso n.º 14 SI Inovação COVID-19 ao PO Centro 2020 a partir das 19h de 15/05/2020. Para os restantes Programa Operacionais a data limite mantém-se a 29/05/2020, à excepção do PO Norte 2020 e do COMPETE 2020, já encerrados por esgotamento de dotação. (13/05/2020)
FAQ - Aviso n.º 14/SI/2020 SI Inovação COVID-19 
(08/05/2020)
FAQ - Aviso n.º 15/SI/2020 SI I&D e Upscaling COVID-19 (08/05/2020)
Suspensão de candidaturas ao Aviso n.º 14/SI/2020 SI Inovação COVID-19 ao COMPETE 2020 a partir das 16h de 08/05/202 e ao PO Norte a partir das 19h de 12/05/2020 (06/05/2020)
Nova Norma de Pagamentos a beneficiários de Sistemas de Incentivos às empresas no âmbito do Portugal 2020 (21/04/2020) 
Perguntas Frequentes (20/04/2020)

- Novos Sistemas de Incentivos COVID-19 (20/04/2020)

Solução apresentada pela UWU Go

Do ponto de vista das empresas, este esforço de adaptação apresenta um impacto eminentemente operacional, mas simultaneamente, e não menos relevante, tem um efeito financeiro bem significativo: o custo adicional desta adaptação!

No sentido de apoiar as micro, pequenas e médias empresas, foi recentemente apresentado o programa ADAPTAR. Este incentivo divide-se em duas linhas de apoio, em função da dimensão da sua empresa.

Temos, então:

  • Microempresas
    • Máximo: 5 000€;
    • Mínimo: 500€.
    • Taxa de incentivo: 80%

 

  • Pequenas e médias empresas
    • Máximo: 40 000€;
    • Mínimo: 5 000€.
    • Taxa de incentivo: 50%

 

Note que, para além das suas despesas com desinfetantes, equipamentos individuais de proteção, desinfeção e/ou adaptação dos locais de trabalho, também o custo relativo à submissão da sua candidatura é apoiado!

Mais: o investimento na transformação digital da sua empresa também é elegível! Por exemplo, a sua adesão à solução UWU Go está agora facilitada!

Contacte a UWU para análise do seu caso, e tratamento da candidatura!

 

Notícias IAPMEI

18-05-2020
Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade | Candidaturas até 31 de maio

Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade | Candidaturas até 31 de maio


Estão abertas as candidaturas ao Reconhecimento de Práticas em Responsabilidade Social e Sustentabilidade, uma iniciativa dinamizada pela Associação Portuguesa de Ética Empresarial, em...



LINKS E DOCUMENTOS ÚTEIS
Orientação Técnica n.º 01/2020 (2ª revisão) | Estipula as medidas relativas à situação epidemiológica pelo novo coronavírus
Despacho n.º 4777/2020, de 21 de abril | Nova Norma de Pagamentos a beneficiários de Sistemas de Incentivos às Empresas no âmbito do Portugal 2020
Orientação Técnica n.º 01/2020 | Estipula as medidas relativas à situação epidemiológica pelo novo coronavírus
Deliberação n.º 8/2020, de 28 de março | Determina Medidas Extraordinárias de Apoio à Economia e à Manutenção do Emprego no âmbito do Portugal 2020
Sistema de Incentivos à Inovação Produtiva
Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo Qualificado e Criativo

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Mensagens



Junte-se a nós no Facebook

Please wait..15 Seconds Cancel

Calendário

Maio 2020

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31